Manifestação popular pede fim dos salários altos em Poços de Caldas

Manifestação popular

Manifestação popular pede fim dos salários altos em Poços de Caldas

Eleitores de Poços de Caldas se manifestaram diante o salário exorbitante que vereadores e o prefeito da cidade recebem.

Para mudar essa situação a qual dá ao prefeito e vereadores benefícios próprios esquecendo da

Necessidade que a cidade tem é que foi apresentado um projeto de lei para que seja realizado a redução do salário dos mesmos.

O grande objetivo é conferir legitimidade aos que querem realmente construir com a cidade e não se enriquecer no serviço público.

O prefeito da cidade de Poços de Calda Sérgio Antônio Carvalho de Azevedo teve a algum tempo

Uma iniciativa de aumentar o IPTU na cidade garantindo que a verba arrecadada seria destinada

Para ajudar a santa casa-oncologia, atender a falta de vagas nas creches, atender a fila de

Cirurgias/exames, investir na prevenção das enchentes, investir na segurança, investir em

Maquinas e equipamentos, os atuais estão sucateados. ou seja, disse que a prefeitura esta endividada.

Manifestação popular pede fim dos salários altos em Poços de Caldas

Acreditando no que disse o prefeito que a prefeitura encontra se endividada eleitores deram ao

Prefeito a seguinte ideia de reduzir o seu próprio salário para conseguir parte da verba que esses lugares citado acima precisam.

Vale ressaltar que no início do ano o prefeito Sérgio anunciou uma redução de 10% em seu próprio salário e também de seu vice e secretario, mais não foi bem isso que aconteceu.

Sendo assim em um prazo de 11 dias eleitores recolheram 7.123 assinaturas, O objetivo é reduzir os salários dos seguintes cargos:

  • Prefeito: de R$ 28.847,85 para R$ 14.000,00
  • Vice-prefeito: de R$ 15.385,00 para R$ 7.000,00
  • Secretários: de R$ 11.154,49 para R$ 5.000,00
  • Cargos comissionados: redução de 50%
  • Vereadores: de R$ 11.337,24 para R$ 5.000,00

Manifestação popular pede fim dos salários altos em Poços de Caldas

Além da redução do salário dos cargos acima o projeto prevê ainda a criação de um Plano de Demissão Voluntária (PDV) para os servidores municipais.

Sendo o grande objetivo diminuir o número de trabalhadores que se encontram hoje na prefeitura, para reduzir 30% a folha de pagamento e a verba ser destinada para onde necessita.

“Tem muitos funcionários hoje, dentro da prefeitura, que não se aposentam. Está lá com salário de

R$ 42,3 mil, outro com R$ 50, outro com R$ 35 [mil]. Então eles querem ficar até os 75 anos lá. O povo não aguenta pagar isso”, diz o comerciante Geraldo Laier.

A administração da prefeitura não quis falar sobre o assunto mais a população espera que toda

Essa iniciativa seja aprovada e que prefeitos e vereadores não só de poços de caldas mais de outras cidades tenham seus salários reduzidos.