LULA MONTOU A MAIOR REDE DE TRÁFICO DE INFLUÊNCIA DO MUNDO, SEGUNDO OS EUA. É MUITA INOCÊNCIA PARA TANTA CULPA…

Os documentos levantados pelo Departamento de Justiça americana demonstram fortes movimentações financeiras no exterior envolvendo o alto escalão da política brasileira e os executivos da Odebrecht.

A Folha recebeu a planilha “Amigo” onde sinaliza que a Odebrecht negociou e pagou bem caro pelo tráfico de influência de Lula quando ainda era presidente.

Os pagamentos eram feitos pelo departamento de propinas da empreiteira para que Lula e seus aliados, especificados por diversos codinomes sobre a alcunha de “Brazilian Official”, abrissem caminho para grandes obras públicas no Brasil e no exterior.

Lula é atualmente o ex-operário mais rico do mundo que utilizou a política para articular a maior rede de tráfico de influência do mundo custeada com dinheiro público.

Havia um “modus operandi criminoso” na atuação de Lula, dos executivos da Odebrecht e dos diretores do BNDES para liberar dinheiro do banco à empreiteira;

– Lula praticou o crime de tráfico de influência em favor da Odebrecht;

– Lula vendeu sua “influência política” à Odebrecht por R$ 7 milhões

– O contrato de palestras entre uma empresa de Lula e a Odebrecht serviu para “dar aparência de legalidade” ao tráfico de influência;

– O BNDES aprovava com velocidade incomum – até 49% acima da média – os financiamentos que envolviam gestões de Lula e interessavam à Odebrecht.

(Via agencia de noticia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *