Justiça americana inviabilizará asilo político de Lula que pode decretar sua prisão e de Dilma Roussef a qualquer momento. Veja!

Confira!

O Na Mira da Notícia traz pra você as últimas notícias do dia.

O processo do escândalo da Petrobras caminha celeremente na Justiça americana, conforme noticiado a exaustão no decorrer desta semana.

O acordo de leniência encerra as ações contra as empresas, mas não interrompe contra as pessoas supostamente envolvidas. Muito pelo contrário, os processos irão prosseguir, inclusive contra o quarteto brasileiro, os tais Brazilian Oficial 1, 2, 3 e 4, citados nos documentos dos procuradores americanos, que já se sabe, tratarem respectivamente de Lula, Dilma, Palocci e Mantega.

Assim, certamente e fatalmente, a Justiça americana brevemente deverá decretar a prisão dos ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff. Não tenham dúvidas.

Com mandado de prisão, Lula ficará impedido de pisar em solo americano.

A esdrúxula tese decantada no Brasil, dando conta de que os processos contra o ex-presidente tratam-se de perseguição política, obviamente não funcionará em lugar nenhum com relação a Justiça americana.

Diante disso, um eventual asilo político está caminhando para a plena inviabilidade.

Qualquer país que receba Lula estará indo em confronto com os Estados Unidos, protegendo um criminoso, que lesou cidadãos e empresas americanas.

O que se vislumbra é que ficará melhor para Lula a negociação de sua prisão e do cumprimento da pena com a Justiça brasileira.

É a realidade que está porvir. Lula acabou…

Por enquanto, ainda lhe resta o esperneio. É o que vem tentando fazer, ultimamente com mais insistência, mas sem qualquer eficácia.

 

(Via agência de notícia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *