Eleição de Trump não afetará relação dos EUA com o Brasil, afirma Temer

Em entrevista à Rádio Itatiaia, presidente ressaltou a importância de ações estruturantes para a economia brasileira, como a aprovação da PEC do limite dos gastos públicos e a reforma da Previdência

A eleição do empresário Donald Trump pelo partido Republicano não “muda nada” a relação institucional entre o Brasil e os Estados Unidos da América. Em entrevista à Rádio Itatiaia, o presidente da República, Michel Temer, ressaltou que o vínculo é de Estado para Estado.

“A relação do Brasil com os Estados Unidos é uma relação institucional, de Estado para Estado”, afirmou Temer, lembrando que os dois países têm tradição democrática. Trump derrotou a candidata democrata Hillary Clinton na disputa pela Casa Branca.

Previdência e gastos

Na entrevista, Temer também afirmou que o limite de gastos públicos é fundamental para evitar a falência do País. No entanto, o presidente reforçou que o teto não afetará áreas prioritárias. No Orçamento de 2017 enviado ao Congresso, o governo aumentou as verbas para saúde e educação. “Nós jamais vamos prejudicar saúde e educação”, garantiu.

À Itatiaia, Temer disse que o projeto de reforma da Previdência, a ser enviado ainda este ano ao Congresso, terá regras de transição “fortíssimas”. Segundo o presidente, todos vão ser incluídos na reformulação do sistema previdenciário. “Nós vamos propor um projeto. Isso vai ser amplamente discutido pelo Congresso Nacional”, afirmou.

Ensino médio

Em 22 de setembro, o governo federal enviou ao Congresso a Medida Provisória 746/2016, que trata da reforma do ensino médio. Atualmente, ela está em análise por uma comissão mista. Depois segue para apreciação do plenário da Câmara dos Deputados.

O texto incentiva, por exemplo, que as escolas adotem o ensino integral e deixa a escolha de disciplinas para a Base Nacional Comum Curricular. Temer também voltou a defender a reforma no ensino médio. “Nós estamos fazendo uma grande reforma do ensino médio, desejada há muito tempo e jamais feita”, acrescentou.

(Via agência de notícias)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *