Delator afirma que Temer negociou doação para beneficiar Odebrecht. Veja!

Encontro teria ocorrido em 2010 e contou com a presença de Eduardo Cunha

Na Mira da Notícia com as últimas notícias do dia.

Segundo depoimento de um ex-executivo da Odebrecht à força-tarefa da Operação Lava-Jato, o presidente Michel Temer teria participado, em 2010, de uma reunião para angariar verbas para campanha do PMDB na data.

Conforme a publicação, em troca das doações, Temer agiria para garantir apoio político para a construtora em projetos envolvendo a Petrobras. O encontro teria ocorrido no escritório do presidente, localizado em São Paulo. O ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e Márcio Faria, então presidente da Odebrecht Engenharia Industrial estariam entre os participantes da reunião. Na época do encontro, Temer era deputado federal, presidente do PMDB e candidato a vice na chapa de Dilma Rousseff.

A assessoria de Temer confirmou o encontro, mas que não foram citados valores, obras ou projetos para beneficiar a construtora. Também afirmou que foi Cunha quem levou um empresário a seu escritório em 2010 e que o indivíduo “pode ser o referido senhor Márcio Faria, mas não pode garantir e que o ato serviria para que Cunha apresentasse um empresário disposto a contribuir para campanhas do PMDB”.

(Via agência de notícia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *