3º ano da Lava Jato sem nem perspectivas de denunciar um único tucano

Confira!

Na Mira da Notícia com as últimas notícias do dia.

Em três anos de Operação Lava Jato que irão se completar em março desse ano de 2017, nenhum tucano foi indiciado, conduzido coercitivamente e muito menos presos, nem os com foro privilegiado, nem os sem foro privilegiado, como FHC, tesoureiro do Aécio, filho de FHC e outros, relembre alguns sem foro privilegiado do PSDB, que seguem intocáveis na Lava Jato:

Primeiro, foi Nestor Cerveró que disse ter recebido ordens para colocar uma empresa ligada ao filho do também então Presidente da República Fernando Henrique Cardos, a PSR, no negócio da Termorio, uma empresa constituída nos tempos do apagão, quando a Petrobras fazia contratos ruinosos para participar do capital e comprar a energia a altíssimo preço, em quantidades asseguradas.

O filho de FHC, Paulo Henrique Cardoso, disse que era tudo mentira de um “encarcerado”

Semana passada, discretamente, divulgou-se o vídeo em que o lobista Fernando Baiano confirma a história, dizendo que recebeu a informação de Delcídio do Amaral, então diretor de Gás e Energia da Petrobras.

O trecho do vídeo está aí, no final do post, para quem quiser assistir. A íntegra pode ser assistida aqui.

Não vai ter inquérito?

Não vai ter “cognição sumária”?

E se fosse o filho do Lula?

O que é uma usina termelétrica perto do aluguel de espaço num galpão para guardar dez caixas?

Não vai ter o Alexandre de Moraes anunciando prisão numa panfletagem?

A Lava Jato é imparcialíssima.

 

(Via agência de notícia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *